O Coronel Cristóvão Gomes Veliça nasceu em Olhão, a 28 de Março de 1962, e foi incorporado na Força Aérea Portuguesa, a 02 de julho de 1980, tendo frequentado na Base Aérea N.º 3 o Curso de Formação de Oficiais Milicianos da Polícia Aérea, que terminou em dezembro desse ano. Enquanto Oficial Miliciano PA desempenhou funções nas Esquadras de Polícia Aérea da Base Aérea N.º 5 e Base Aérea N.º 11.

Ingressou no Quadro Permanente de Oficias da Polícia Aérea, em maio de 1988, ficando colocado no então Centro de Instrução N.º 2, na Ota, como Comandante de uma Esquadra do Corpo de Alunos.

Em junho de 1989, regressa à BA11 onde permanece até 1996, onde foi, no último ano de permanência na Unidade, o Comandante da Esquadra de Polícia Aérea.

Nas várias colocações que se seguiram foi Chefe de Gabinete de Educação Militar do Corpo de Alunos do CFMTFA, Chefe da Secção de Treino de Defesa Nuclear, Biológica e Química do CTSFA, Oficial de Defesa NBQ da FA, exerceu funções nas Repartição de Operações e na Repartição de Planos do Estado-Maior do COFA/CA, foi o representante nacional no Programa de Avaliações Táticas da NATO (TACEVAL), foi Chefe do Estado-Maior da Zona Aérea dos Açores e mais recentemente Chefe do Gabinete Coordenador de Segurança Militar da Força Aérea. Ainda a nível nacional, integrou grupos de trabalho do EMGFA e interministeriais na área NBQ.

Em termos internacionais integrou, em 2002, a NATO Response Force como especialista NBQ e coordenador da participação nacional nos “Multinational Chemical, Biological, Radiological and Nuclear Defense Battallions”. Nesta área foi membro e chefe de delegação nacional nas reuniões dos Land Group 7 On Joint NBC Defence, do NATO Trainig Group e da NATO Standardization Agency/ NBC Defence Operations Working Group.

Na área de Force Protection (FP) qualificou-se como avaliador NATO, em 1998, e esteve ativo durante 13 anos consecutivos integrando equipas multinacionais de avaliação em vários países. Entre 2005 e 2009, foi o chefe do Sub-grupo de FP da European Participating Air Forces / Expeditionary Air Wing.

Na atividade operacional foi responsável pelo planeamento dos módulos de FP nas participações da Força Aérea nas Forças Nacionais Destacadas (FND) EUFOR/TCHAD/RCA, na International Security Assistance Force (ISAF), na Operação “Atlanta/2010, na Operação “Ocean Shield/2011”, na Iceland Air Policing e na MINUSMA (MALI) em 2016.

No envolvimento direto em operações foi o oficial de ligação com o Joint Force Air Component Command (JFACC) na missão FND EUFOR/CHADE/2008 em Ndjamena, foi oficial de ligação no Quartel-General da ISAF em Kabul durante o Destacamento de C130/2009 em apoio da “Election Support Force” e em 2012, foi durante nove meses, o Diretor de Operações no Kabul Airport North Operations Centre.

Na mais recente atividade esteve colocado, desde agosto de 2017, na United Nations Assistance Mission in Afghanistan (UNAMA), em Kabul, onde desempenhou inicialmente as funções de Deputy Senior Military Advisor, na Military Advisor Unit, a qual veio a Comandar no período entre 22 de dezembro de 2017 e 30 de junho de 2018, sendo simultaneamente o Senior Military Advisor da missão.

Na sua folha de serviços constam diversos reconhecimentos nacionais e internacionais, entre os quais se destacam treze louvores, a Ordem Militar de Avis no grau de Cavaleiro, nove Medalhas Militares nacionais, incluindo a Medalha de Prata de Serviços Distintos e quatro Medallhas Internacionais.