O Brigadeiro-General Piloto-Aviador César Paulo da Silva Rodrigues nasceu em São Sebastião da Pedreira, Lisboa, a 3 de maio de 1968. Ingressou na Academia da Força Aérea (AFA) em 1986, no curso de pilotagem aeronáutica. Após o terminus do mesmo, frequentou o tirocínio em Laughlin AFB, Texas, Estados Unidos da América (EUA), nas aeronaves T-41, T-37 e T-38, tendo sido brevetado em dezembro de 1991.

Em janeiro de 1992, frequentou o curso de Instrução Complementar de Aviões de Combate em T-38, na Esquadra 103, Base Aérea n.º 11 (BA11) em Beja, tendo sido colocado na Base Aérea n.º 6 (BA6) no Montijo, como piloto operacional de caça bombardeiro FIAT G91, na Esquadra 301, em maio desse ano.

Após breve formação na Alemanha, regressa à BA11, em junho de 1993, como piloto instrutor do avião a jacto Alpha Jet, na Esquadra 103.

Em abril de 1997 é colocado em Sheppard AFB, Texas, EUA, desempenhando funções na escola de pilotagem da OTAN como piloto instrutor na aeronave T-37, Runway Supervisor Unit Training Officer, e Representante Nacional Sénior, terminando esta comissão em setembro de 2000.

Entre 2000 e 2006 fica colocado na AFA, em Sintra, sendo qualificado instrutor em aeronave Chipmunk e exercendo responsabilidades como comandante de esquadrilha, professor docente universitário e politécnico, e Chefe do Gabinete de Prevenção de Acidentes, em acumulação de funções.

Entre 2007 e 2009 assume funções na área de planeamento e doutrina na Divisão de Operações no Estado-Maior da Força Aérea. Neste último ano, é nomeado para comandar o Destacamento Português da aeronave C-130 na Operação International Security Assistance Force, em missão sob a égide do apoio internacional às eleições presidenciais, em Cabul – Afeganistão.

Ainda em 2009 regressa a Sintra para comandar o Grupo Operacional da Base Aérea n.º 1, sendo adicionalmente qualificado como piloto na aeronave Epsilon.

Em setembro de 2011, foi colocado em missão sob dependência do Ministério dos Negócios Estrangeiros, a fim de tomar posse como Conselheiro Militar na Representação Permanente de Portugal junto da União Europeia (REPER), em Bruxelas, lugar que ocupou até outubro de 2014. Entre outros pelouros em que foi responsável, em acumulação de funções, destacam-se: Delegado Nacional no Grupo Político Militar, Assessor Militar ao Embaixador Português no Comité Político e de Segurança, Representante Nacional no Comité Especial do Mecanismo Athena, Representante Nacional do Conselho de Administração do Centro de Satélites, Representante Nacional no Conselho de Administração do Colégio Europeu de Segurança e Defesa, Oficial Financeiro da Presidência Portuguesa da ex-União Europeia Ocidental, Delegado Nacional no Grupo de Capacidades UE-OTAN e Representante Nacional no Grupo de Amigos da Presidência para a Estratégia de Segurança Marítima da União Europeia.

Em outubro de 2014, é colocado no Estado-Maior-General das Forças Armadas – Comando Conjunto para as Operações Militares (EMGFA-CCOM), desempenhando os cargos de Chefe da Área de Planos, Chefe da Área de Operações e Chefe do Centro de Operações Conjunto, em acumulação de funções. Entre outras tarefas que lhe competiam realça-se o acompanhamento de mais de vinte missões das Forças Nacionais Destacadas, sediadas em três Continentes e sob os auspícios da ONU, OTAN e UE.

Comandou a Base Aérea n.º 4, Lajes, Açores, de setembro de 2016 a outubro de 2018, tendo edificado o Núcleo Museológico da Base das Lajes e concluído o Processo de Certificação para uso Civil da Base das Lajes.

Foi auditor do Curso de Promoção a Oficial General no ano letivo de 2018-2019 e após a promoção ao atual posto de Brigadeiro-General, em 12 de novembro de 2019, assumiu, a 22 do mesmo mês, as atuais funções de Diretor da Direção de Instrução.

O Brigadeiro-General César Rodrigues tem uma Pós-graduação em Estudos de Paz e de Guerra nas novas Relações Internacionais. É co-autor de dois livros e autor de diversos artigos científicos e técnicos em revistas (Atlântida, História, Mais Alto e Visão online) e em diversos jornais.

Da sua folha de serviço constam diversos louvores e condecorações, das quais se destacam, três Medalhas de Prata de Serviços Distintos, uma Medalha de Mérito Militar de 2.ª Classe, uma Medalha de Ouro de Comportamento Exemplar e uma condecoração estrangeira no quadro da OTAN In Service of Peace and Freedom.

O Brigadeiro-General César Rodrigues tem um filho e uma filha e é casado com Isabel Maria dos Santos Costa Pinto de Azevedo.