Subchefe do Estado-Maior da Força Aérea

Brasão

Escudo - Gironado gironante de dezasseis peças de ouro e azul.
Divisa - Num listel de branco, sotoposto ao escudo, em letras de estilo elzevir, maiúsculas, de negro: ««ENTENDER OS INIMIGOS E ENGANÁ-LOS»».
Coronel Aeronáutico - É de ouro, constituído por um aro liso com virolas nos bordos superior e inferior, encimado por oito pontas, das quais cinco aparentes. A ponta central e as laterais são encimadas por duas asas de águia estendidas. As pontas intermédias são encimadas por cruzes de Cristo.

 

Simbologia

O Gironado Gironante - significa que o equilíbrio e a força, a razão e a vontade e a ciência e o conselho se unem num movimento sem fim em torno do eixo da vida na entidade representada ESTADO-MAIOR DA FORÇA AÉREA.
A Divisa - « ENTENDER OS INIMIGOS E ENGANÁ-LOS » exprime uma das finalidades das funções do Estado-Maior. 
As Dezasseis Peças - são alusão às quatro Divisões do Estado-Maior, vezes o 4 do quaternário, símbolo da Lei. 
Coronel Aeronáutico - é sinal distintivo privativo da Força Aérea que com ele caracteriza todas as suas Unidades e Órgãos. 
O azul - representa o ar e o espaço, simboliza a lealdade e o zelo. 
O ouro - significa a nobreza, a força e a sabedoria.