O Tenente-Coronel Engenheiro Eletrotécnico Ricardo José Ferreira Peralta nasceu a 1 de março de 1981, em S. José de S. Lázaro - Braga.

Ingressou na Academia da Força Aérea, em agosto de 1999, onde concluiu a licenciatura em Ciências Militares Aeronáuticas – Engenharia Eletrotécnica – ramo Aviónica, em 2005.

Ainda na Academia da Força Aérea, frequentou o Curso de Piloto de Planador, tendo sido brevetado em fevereiro de 2004.

Iniciou o tirocínio em 2005 na Direção de Eletrotecnia, OGMA, S.A. e Base Aérea nº. 5 tendo-o concluído em 2006. Nesse ano foi colocado na 1ª. Repartição da Direção de Eletrotecnia como Engenheiro de Sistemas Aviónicos do Sistema de Armas Falcon 50.

Ainda em 2006, foi colocado na Direção de Mecânica Aeronáutica, onde desempenhou a função de Gestor do Sistema de Armas Falcon 50, onde coordenou o programa de modernização Global Air Traffic m Management destas aeronaves.

Em 2007, é nomeado, em acumulação de funções, Coordenador da Área de Aviónicos e Testes, no âmbito do Grupo de Trabalho para modernização do Sistema de Armas P-3 da Força Aérea.

Em 2010, com a entrada em operação do Sistema de Armas C-295, transita para a respetiva Gestão de Sistema de Armas, enquanto adjunto para os Aviónicos e Sistemas de Missão.

Em 2014 assume funções como Gestor do Sistema de Armas P-3C CUP+.

No ano letivo 2014/2015 frequentou o Curso de Promoção a Oficial Superior, tendo posteriormente regressado à Direção de Manutenção de Sistemas de Armas, onde retomou as funções de Gestor do Sistema de Armas P-3C CUP+.

Em 2019 é colocado na Direção de Engenharia e Programas enquanto Adjunto para a Aeronavegabilidade, onde integrou o processo de Modernização do Sistema de Armas C-130 e de aquisição do Sistema de Armas AW-119 Koala. No âmbito desta colocação desempenhou funções como Assessor para a Aeronavegabilidade Permanente no Gabinete da Autoridade Aeronáutica Nacional, participando no Design and Production Advisory Group da Agência Europeia de Defesa, assim como na certificação de Sistemas Aéreos Não-Tripulados militares.

A 17 de setembro de 2019 tomou posse como Comandante da Estação de Radar nº.2.

Foi promovido ao posto atual a 1 de outubro de 2021.

Possui diversos cursos de formação e qualificação em áreas multidisciplinares, destacando-se entre estes os cursos de Auditorias de Qualidade, Segurança de Voo e curso  Analytics Edge do MIT.

Concluiu, em 2016, o Programa Avançado em Empreendedorismo e Gestão da Inovação da Universidade Católica Portuguesa.

Está reconhecido pela European Aviation Safety Agency, desde 2016, como Independent External Expert para diversas áreas, das quais se destacam Aircraft Design and Production, Aircraft Continuing Airworthiness e Performance Based Navigation.

Da sua folha de serviço destaca-se a Medalha de Prata de Comportamento Exemplar.

É membro efetivo da Ordem dos Engenheiros.