Comando Aéreo com certificação em Desfibrilhação Automática Externa

O Comando Aéreo, em Monsanto, concluiu em abril de 2019 a certificação para o uso de Desfibrilhação Automática Externa – processo iniciado em setembro de 2017 para instalação de sete equipamentos, no âmbito do plano nacional e do programa das Forças Armadas nesta matéria.

A cerimónia de entrega do certificado ao Comandante Aéreo em suplência, Major-General António Branco, aconteceu no dia 15 de maio. Fizeram a entrega os responsáveis da formação, da Escola de Serviço de Saúde Militar em Suporte Básico de Vida com Desfibrilhação Automática Externa.

Neste processo, foram adquiridos quatro aparelhos pelo Comando Aéreo, um pelo Joint Analysis and Lessons Learned Centre (JALLC), um pela Unidade de Apoio de Lisboa, sendo este colocado na Messe de Oficiais – Monsanto (dependência da Unidade de Apoio de Lisboa) e um pela Unidade de Saúde Tipo I do Comando Aéreo.

Com vista à formação de operadores certificados em Suporte Básico de Vida com Desfibrilhação Automática Externa, foram realizados sete cursos, ministrados por formadores da Escola de Serviço de Saúde Militar, certificados pelo Instituto Nacional de Emergência Médica. Completaram a formação 104 operacionais, militares e civis.

Foram intervenientes neste processo a Escola de Serviço de Saúde Militar (certificada pelo Instituto Nacional de Emergência Médica), a Direção de Saúde da Força Aérea, o Comando do Comando Aéreo e a Unidade de Saúde Tipo I do Comando Aéreo.