Centro de Recrutamento da Força-Aérea

Brasão

Escudo - De prata, uma rosa dos ventos de dezasseis pontas, sendo quatro em cruz, de vermelho, quatro em aspa, de negro e as restantes oito de prata e verde; chefe de azul carregado de uma águia estendida de prata.
Divisa - Num listel de branco, sotoposto ao escudo, em letras de estilo elzevir, maiúsculas, de negro: ««SERVIR: QUEM SERVIRÁ E QUEM SERVIU!»».
Coronel Aeronáutico - É de ouro, constituído por um aro liso com virolas nos bordos superior e inferior, encimado por oito pontas, das quais cinco aparentes. A ponta central e as laterais são encimadas por duas asas de águia estendidas. As pontas intermédias são encimadas por cruzes de Cristo.

 

Simbologia

A Rosa dos Ventos - simboliza as profundas tradições históricas Portuguesas, representando a atividade de orientação que caracteriza a missão primordial do Centro de Recrutamento.
A Águia - é alusão à entidade a quem serve, Força Aérea, de cujo brasão foi retirada a águia. 
Coronel Aeronáutico - é sinal distintivo privativo da Força Aérea que com ele caracteriza todas as suas Unidades e Órgãos. 
A prata - simboliza a humildade e simultaneamente a riqueza na seleção do pessoal.